Você está aqui: Página Inicial > Apoio > NAPNEE
conteúdo

NAPNEE

por Tatiana Toledo Ferreira publicado 10/01/2018 16h27, última modificação 10/01/2018 16h27
Núcleo de Atendimento às Pessoas com Necessidades Educacionais Especiais

O Núcleo de Atendimento às Pessoas com Necessidades Educacionais Especiais (NAPNEE), na Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, surge por meio do Programa TECNEP (Programa de Educação, Tecnologia e Profissionalização para Pessoas com Necessidades Educacionais Especiais que estava ligado à SETEC/MEC. Tal programa visava à inserção e o atendimento aos alunos com necessidades educacionais especiais nos cursos de nível básico, técnico e tecnológico, nos Instituições Federais de Educação (IFEs), em parceria com os sistemas estaduais e municipais, bem como o segmento comunitário.

Missão 

    Sua missão é articular pessoas e instituições e desenvolver ações de inclusão, envolvendo técnicos-administrativos em educação, docentes, profissionais contratados, discentes e pais, além da comunidade externa. Dessa forma, o Núcleo pretende implantar a cultura da "educação para a convivência" e a aceitação da diversidade, buscando principalmente a quebra das barreiras arquitetônicas, educacionais e atitudinais.

    Sala de recursos

    A Sala de Recursos do IFMG - Campus Ouro Preto foi institucionalizada em 2010 com a chegada do primeiro aluno surdo no campus. Uma de suas ações é de promover o apoio às atividades educacionais, ampliando, assim, as possibilidades de equidade no processo da educação inclusiva.

    Atualmente, a Sala de Recursos se encontra localizada no Pavilhão dos Inconfidentes, no andar térreo. Em um espaço mais adequado, ampliou-se o acervo de livros, revistas, jogos pedagógicos e algumas tecnologias assistivas. Dentro deste ambiente são desenvolvidos projetos de extensão, pesquisa e pesquisa - extensão dentro da temática inclusiva, monitoria e aulas de Português para o aluno surdo , reuniões com pais/responsáveis pelos  alunos com deficiência, visita dos avaliadores dos  cursos de graduação pelo MEC, produção de recursos didáticos para alunos com deficiência e as reuniões do NAPNEE, reuniões entre os TIL’s e sua coordenação.