Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Projeto de extensão ensina robótica a adolescentes de escolas públicas
conteúdo

Notícias

Projeto de extensão ensina robótica a adolescentes de escolas públicas

Ação desenvolvida no Campus Sabará leva tecnologia e conteúdos de robótica e programação de computadores a alunos do ensino fundamental. Turma especial para meninas foi iniciada neste ano.
publicado: 31/10/2019 11h05, última modificação: 31/10/2019 11h05

Colocar crianças e adolescentes de escolas públicas, com idade entre 11 e 17 anos, em contato com o universo da tecnologia e apresentar a eles conteúdos relacionados à robótica e à programação de computadores. Esse é um dos objetivos do “Programa Sabará”, um projeto de extensão desenvolvido pelo IFMG. A iniciativa, que existe desde 2016, inovou ao iniciar uma turma especialmente para meninas como a Yasmin Daniele Cunha, de 14 anos.

Estudante do 9º ano do Ensino Fundamental, na Escola Municipal Rosalina Alves Nogueira, ela frequenta as aulas do projeto desde o início do ano. As atividades são gratuitas e realizadas uma vez por semana, no Campus Sabará. Em 2019, com a aprovação de uma proposta junto ao Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), em edital que incentiva a popularização da tecnologia entre as mulheres, os professores iniciaram o PS4W (Programa Sabará For Women - para mulheres, na sigla em inglês).

Dividido em módulos, as aulas abordam conceitos de informática e eletrônica, com atividades voltadas para o uso de aplicativos e programação. No mês de outubro, as estudantes estão aprendendo conteúdo básico de robótica, com aulas práticas nas quais podem conhecer o funcionamento de robôs. “É um programa que visa à valorização do ensino de computação e a disseminação do pensamento computacional para alunos do ensino básico da rede pública da cidade. Acredito que essa ação os ajudará a traçar seu perfil profissional no futuro”, afirma o professor do Campus Sabará, Carlos Alexandre Silva, coordenador do projeto.

Atualmente, nove turmas de 20 alunos são atendidas. Criado em 2016, o programa conta com a participação de docentes e discentes das áreas de Informática, Engenharia e Gestão, além de servidores técnico-administrativos do campus e professores das escolas participantes. Uma parceria firmada entre IFMG e Secretaria Municipal de Educação de Sabará possibilitou que a ação atenda diversas escolas e também esteja presente em outros quatro colégios públicos, envolvendo, até o momento, cerca de 300 jovens.

“O projeto integra não só os servidores do campus, como também os alunos. Temos instrutores e auxiliares dos cursos técnicos integrados em Informática e Eletrônica”, destaca o docente. Ele conta também que a ação, neste ano, incentivou os estudantes a participar da Olimpíada Brasileira de Robótica. “Por conta da participação na fase escrita, teremos três medalhas de honra ao mérito, que são destinadas aos melhores alunos de cada escola inscrita”, revela.