Você está aqui: Página Inicial > Pesquisa > Programas e Projetos
conteúdo

Programas e Projetos

por alessander.thomaz publicado 22/04/2016 01h17, última modificação 21/07/2020 16h43

Clique nos projetos abaixo para acessar as respectivas informações:

1. DESENVOLVIMENTO DE FERRAMENTA COMPUTACIONAL PARA CONTROLE DE ESTOQUE EM MICRO E PEQUENAS EMPRESAS DO MUNICÍPIO DE RIBEIRÃO DAS NEVES

2. ASPECTO VERBAL: OBJETO DE ENSINO DA LÍNGUA PORTUGUESA NA EDUCAÇÃO BÁSICA

3. TOJUDGE: FORENSE DIGITAL E DADOS ABERTOS DO PODER JUDICIÁRIO BRASILEIRO

4. GESTÃO DA CADEIA DE SUPRIMENTOS NO SISTEMA PRISIONAL DE MINAS GERAIS: CONTRIBUIÇÕES DA TEORIA DAS REDES

5. PROPOSTA DE FORMAÇÃO CONTINUADA DOCENTE EM EDUCAÇÃO PARA AS RELAÇÕES ÉTNICO-RACIAIS (ERER): MOBILIZANDO METODOLOGIAS ATIVAS PARA A PRODUÇÃO DE PRÁTICAS EDUCACIONAIS ANTIRRACISTAS

6. APRENDIZAGEM SIGNIFICATIVA DOS VERBOS DE LIGAÇÃO: DOS LIVROS DIDÁTICOS ÀS TECNOLOGIAS DIGITAIS

7. TECNOLOGIAS DIGITAIS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO (TDIC) NA VISÃO DOS DOCENTES E ALUNOS DE UMA INSTITUIÇÃO FEDERAL DE EDUCAÇÃO BRASILEIRA

8. NÚCLEO DE ESTUDOS EM ARTES (NEARTES)

9. DESENVOLVIMENTO DE UMA ESCAPE ROOM PARA A ABORDAGEM DE TEMAS INTERDISCIPLINARES EM TURMAS DE CURSOS TÉCNICOS INTEGRADOS AO ENSINO MÉDIO

10. O TRABALHO NO CÁRCERE PARA NÃO ENCARCERADOS: ANÁLISES DA QUALIDADE DE VIDA NO TRABALHO DE POLICIAIS PENAIS

11. MUDANÇAS NO PERFIL SOCIAL DE USUÁRIOS NO TWITTER DURANTE A PANDEMIA DA COVID-19: UM ESTUDO DE CASO DE IMPACTOS PSICOLÓGICOS EM ALUNOS E SERVIDORES DO IFMG

12. O USO DO CELULAR COMO MEDIAÇÃO PEDAGÓGICA NO ENSINO BÁSICO TÉCNICO E TECNOLÓGICO DO INSTITUTO FEDERAL DE MINAS GERAIS: CAMPUS RIBEIRÃO DAS NEVES

13. PAINEL ANALÍTICO SÓCIO-MATEMÁTICO

14. ECONOMIAS QUE NÃO UTILIZAM DA EXPLORAÇÃO PREDATÓRIA DOS RECURSOS NATURAIS COMO PRINCIPAL FONTE DE RENDA: UMA PERSPECTIVA ECONÔMICA-ECOLÓGICA

15. A COMUNICAÇÃO BOCA A BOCA ELETRÔNICA COMO OPORTUNIDADE PARA A SERVITIZAÇÃO DA MANUFATURA DE ELETRÔNICOS

 

________________________________________

1. DESENVOLVIMENTO DE FERRAMENTA COMPUTACIONAL PARA CONTROLE DE ESTOQUE EM MICRO E PEQUENAS EMPRESAS DO MUNICÍPIO DE RIBEIRÃO DAS NEVES

Coordenação: Pedro Marinho Sizenando Silva

Data da Seleção:   26/11/2018

Edital: 065/2018 

Resumo: O controle eficiente da movimentação de materiais em uma organização pode ser tornar um diferencial através da redução de custos, ganho de tempo produtivo e redução dos índices de falta de materiais. Entretanto, na realidade das micro e pequenas empresas, observa-se que muitas não utilizam de um sistema ou ferramenta apropriados para exercer este controle, resultando em problemas de operação que poderiam ser facilmente evitados. Este trabalho tem como objetivo principal o desenvolvimento de uma ferramenta computacional de fácil utilização para exercer a função de controle de materiais nas micro e pequenas empresas. O trabalho consiste em uma pesquisa com comerciantes do município de Ribeirão das Neves para identificar as principais necessidades relativas ao controle de estoque, desenvolvimento de uma solução computacional e apresentação dos resultados obtidos para os usuários e comunidade acadêmica através de eventos científicos.

Palavras-Chaves:  controle; estoque; materiais; movimentação, planilhas.

Bolsista: Hestefani Romão Durães, Bruno Hestereque Silva

Voluntários: Bruno Hestereque Silva, Lidia Nataly Santos Sousa

 Voltar ↑

2. ASPECTO VERBAL: OBJETO DE ENSINO DA LÍNGUA PORTUGUESA NA EDUCAÇÃO BÁSICA

Coordenação: Gláucia do Carmo Xavier

Colaboradoras externas: Arabie Bezri Hermont (PUC-MG),  Ev’Ângela Batista Rodrigues de Barros (PUC-MG)

Data da Seleção: 25/04/2020

Edital: 87/2019

Resumo: O aspecto verbal tem sido, nos estudos linguísticos contemporâneos, uma categoria lexical e gramatical cuja exploração e análise avançaram bastante, sem que isso tenha implicado efetiva transposição didática. Em decorrência, justifica-se o investimento na construção de produto educacional voltado ao adequado aproveitamento das nuances formais e semânticas do aspecto para maior compreensão do funcionamento do sintagma verbal e que abranja a formação do professor - dimensão do ensino -, do aluno - dimensão da aprendizagem- e de (pós) graduandos - dimensão do pesquisador.  Este projeto dedica-se à consecução do objetivo de desenvolver, como produto educacional, um livro (no formato de manual), em que se contemplam, em abordagem teórico-prática sobre o aspecto verbal, as várias modalidades do ensino da Educação Básica.  A metodologia consiste em pesquisa bibliográfica (construção do Estado da Arte), documental (análise de documentos oficiais), levantamento empírico (análise de livros didáticos) e criação de atividades pedagógicas.  Como resultados esperados, têm-se uma melhor formação docente, no que tange à compreensão da produção de sentido a partir do aspecto; melhor metodologia de ensino gramatical na Educação Básica e oferecimento de potencialidades para pesquisas no âmbito da (pós) graduação em Letras e Educação.

Palavras-Chave: Aspecto Verbal. Ensino gramatical. Manual de ensino. Formação docente. Educação Básica.

Bolsistas: Andreza Helen de Lima Santos

Voluntários: não há.

  Voltar ↑

3. TOJUDGE: FORENSE DIGITAL E DADOS ABERTOS DO PODER JUDICIÁRIO BRASILEIRO

Coordenação: Michele Amaral Brandao

Data da Seleção:   28/04/2019

Edital: 87/2019

Resumo: Com uma infinidade de crimes virtuais, como fraudes bancárias e roubos de identidade e senhas, as pessoas estão cada vez mais receosas ao utilizar a internet. De fato, todos os dias muitas pessoas são expostas a um grande volume de informação, promoções e e-mails, de tal forma que é necessária muita atenção para não ser uma vítima. Entretanto, ao se tornar uma, como solucionar? Um recurso possível é a forense digital que auxilia a apoiar ou refutar algum tipo de suposição. Nesse contexto, são propostos estudos com foco em quatro aspectos principais por meio do uso de dados abertos do Poder Judiciário brasileiro: (1) a construção de um conjunto de dados ou banco de dados padronizado; (2) a modelagem dos dados de forma detalhada para fornecer explicações sobre sistemas complexos, como são os de dados sobre crimes; (3) o desenvolvimento de métodos e algoritmos que auxiliem na identificação de evidências de eventos irregulares e/ou crimes no judiciário; e (4) a investigação de eventos que possam auxiliar a jurisprudência.

Palavras-Chave: ciência dos dados; forense digital; dados abertos; poder judiciário.

Bolsistas: Weverton Ryan Ribeiro da Mata, Rafael Costa Souza

Voluntários: não há.

  Voltar ↑

4. GESTÃO DA CADEIA DE SUPRIMENTOS NO SISTEMA PRISIONAL DE MINAS GERAIS: CONTRIBUIÇÕES DA TEORIA DAS REDES

Coordenação: Maria das Graças de Oliveira

Data da Seleção:   11/01/2019

Edital: 28/2018

Resumo: Nos últimos anos a Administração Pública tem apresentado avanços significativos no sentido tanto de aumentar sua produtividade, como de melhorar a qualidade dos serviços prestados. Com vistas a orientar a ação do Estado para resultados, tendo como foco o cidadão e, ao mesmo tempo, garantir a qualidade do gasto público, muitos conceitos e práticas antes próprios da administração e gestão de setores privados passaram a ser aplicados em organizações públicas tais como: gestão da qualidade, avaliação de desempenho, foco em resultados, mensuração do nível de satisfação dos consumidores, downsizing, outsourcing etc. As práticas de Gestão da Cadeia de Suprimentos (Supply Chain Management - SCM) têm concentrado as atenções de empresas, uma vez que podem oferecer meios para aumentar a produtividade e eficiência, além de contribuir para a redução dos custos. Contudo, as aquisições públicas estão vinculadas aos dispositivos legais estabelecidos, por conseguinte, questiona-se se há nesse processo abertura para implementação das práticas de SCM, tais como integração de processos e relacionamentos colaborativos com fornecedores chaves. A presente proposta de pesquisa se propõe a abordar as características do sistema prisional, dos membros da cadeia (fornecedores e clientes) e das dimensões estruturais, e com base nestes, discutir aspectos relevantes, inclusive atinentes aos relacionamentos colaborativos - parcerias, comprometimento, confiança, poder e liderança -, à luz da teoria das redes concernente a SCM. Pretende-se que tal discussão possa fomentar outras e também estudos com vistas à solução dos problemas apresentados, de proposições de adaptações ou em novas práticas, que auxiliem no relacionamento com fornecedores, clientes e demais parceiros.

Palavras-Chave:   Gestão da Cadeia de Suprimentos, Setor Público, Sistema Prisional, Mapeamento da Cadeia de Suprimentos.

Bolsista: Talita Justo Fernandes

Voluntários: Rafaelle Stefane Elias Alves

  Voltar ↑

5. PROPOSTA DE FORMAÇÃO CONTINUADA DOCENTE EM EDUCAÇÃO PARA AS RELAÇÕES ÉTNICO-RACIAIS (ERER): MOBILIZANDO METODOLOGIAS ATIVAS PARA A PRODUÇÃO DE PRÁTICAS EDUCACIONAIS ANTIRRACISTAS

Coordenação: Juliana Ventura de Souza Fernandes

Data da Seleção:   15/06/2020

Edital: 87/2019

Colaboradores internos: David Silva Franco, Rafael Barcellos de Moraes

Resumo: Essa é uma proposta de pesquisa-ação, que será desenvolvida junto à realização de um projeto de formação continuada docente para a Educação para as Relações Étnico-Raciais (ERER). Seu público-alvo são docentes provenientes de diferentes campos de formação e atuação em níveis de ensino diversos no IFMG - campus Ribeirão das Neves. A originalidade do projeto está em articular uma prática de ERER com o uso de metodologias ativas de ensino, o que visa fomentar a elaboração de projetos/propostas de práticas de educação antirracista por parte dos participantes. Como perspectivas, espera-se que a análise dos dados obtidos nessa pesquisa subsidie a formulação de uma proposta de ERER para professores das redes públicas do município de Ribeirão das Neves.

Palavras-Chave:   Formação Continuada; Formação Docente; Letramento Racial Crítico; NEABI; Racismo Estrutural.

Bolsista: Anna Briza P. Rodrigues, Lidia Nataly Santos Sousa

Voluntários: Não há.

  Voltar ↑

6. APRENDIZAGEM SIGNIFICATIVA DOS VERBOS DE LIGAÇÃO: DOS LIVROS DIDÁTICOS ÀS TECNOLOGIAS DIGITAIS

Coordenação: Gláucia do Carmo Xavier

Colaboradoras externas: Ludmila Alessandra Carvalho Gomes (Estácio de Sá),  Kelly Cesário de Oliveira (IFMG)

Data da Seleção:   08/06/2020

Resumo: Este projeto tem por objetivo relacionar os estudos teóricos recentes sobre a identidade do Verbo de Ligação à pesquisa aplicada ao ensino, com criação de videoaulas, em plataformas online específicas, para o estudo de Verbo de Ligação no ensino médio. A investigação toma como base os conceitos e entendimentos da Teoria da Aprendizagem Significativa, de David Ausubel e assume a necessidade de criação e uso de materiais didáticos potencialmente relevantes. A pesquisa partirá dos estudos formais sobre Verbo de Ligação, passando para o entendimento dessa categoria no ensino, por meio de análise do tratamento dela em livros didáticos de língua portuguesa do ensino médio, elencando maneiras de abordar a temática no processo de ensino e aprendizagem, utilizando tecnologias digitais, com preferência às plataformas Biteable e Powtoon. Como escolha metodológica, a pesquisa terá uma abordagem qualitativa, fazendo uso da pesquisa bibliográfica e pesquisa documental, além do desenvolvimento de material didático digital. Espera-se que os resultados possam colaborar no processo de ensino e aprendizagem do Verbo de Ligação por diversos docentes e discentes.

Palavras-Chave:   Verbo de Ligação; Aprendizagem Significativa; Tecnologias Digitais; Livro didático.

Bolsista: Tatiane da Silva Duarte, Leandro Carlos de Paula Mathias

Voluntários: Não há.

  Voltar ↑

7. TECNOLOGIAS DIGITAIS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO (TDIC) NA VISÃO DOS DOCENTES E ALUNOS DE UMA INSTITUIÇÃO FEDERAL DE EDUCAÇÃO BRASILEIRA

Coordenação: Paula Andrea de Oliveira e Silva Rezende

Data da Seleção: 09/06/2020

Resumo: As tecnologias digitais de comunicação e informação (TDIC) fazem parte do cotidiano das pessoas na pós modernidade e a  proposta para a pesquisa parte da problemática de que há causas/fatores que impulsionam as pessoas à uma resistência a Educação a Distância (EaD), mediada pelas TDIC e que são determinantes na representação acerca dessa modalidade de ensino no Brasil, mais especificamente em uma instituição de ensino superior federal que durante a pandemia do COVID 19 optou por não utilizar a educação a distância em suas atividades escolares. A metodologia proposta é qualitativa complementada pela quantitativa e tem por objetivo geral identificar quais são as causas que embasam a resistência dos pesquisados e se esses fatores podem ser transformados por meio de novas experiências. A hipótese é de que essas causas são fundamentais na criação de uma barreira com relação a experiências inovadoras de ensino e aprendizagem mediadas pelas TDIC. O estudo será delimitado em uma instituição localizada no estado de Minas Gerais, Brasil e a amostra será composta por discentes e docentes. A análise de dados será assistida por computador utilizando o SPSS para análise quantitativa e o MAXQDA para análise qualitativa.

Palavras-Chave:   TDIC. Docentes. Instituição Ensino Superior. EaD

Bolsista: Onar Jandafet Sampaio Martins,  Gabriella de Lima Araujo

Voluntários: Guilherme Cabral, Ellen Steffani Silva Vasconcelos, Lídia Souza

  Voltar ↑

8. NÚCLEO DE ESTUDOS EM ARTES (NEARTES)

Coordenação: Alice Goulart Heeren de Oliveira

Data da Seleção:   21/05/2020

Resumo: O Núcleo de Estudos em Artes é um projeto de pesquisa que visa ser um espaço de desenvolvimento do pensamento crítico acerca das Artes que tem como premissa uma visão inclusiva das diversas práticas e modalidades expressivas que constitui esse campo de conhecimento no nosso momento contemporâneo. O projeto tem objetivos amplos os quais busca desenvolver por meio de várias linhas de atuação. Entre elas, a alfabetização visual, corporal e sonora da comunidade do IFMG, campus Ribeirão das Neves, pesquisa sobre vários temas das artes contemporâneas e eventos envolvendo diversas manifestações artísticas. O núcleo tem como missão, através das diversas atividades que propõe promover o aprendizado, a criticidade, o desenvolvimento da autoestima, da saúde mental e emocional e a habilidade de liderança dos alunos do campus.

Palavras-Chave:   Arte contemporânea; Artes Visuais; Música; Dança; Teatro

Bolsista: Beatriz Oliveira Souza,  Rayane Souza Silva

Voluntários: Não há.

  Voltar ↑

9. DESENVOLVIMENTO DE UMA ESCAPE ROOM PARA A ABORDAGEM DE TEMAS INTERDISCIPLINARES EM TURMAS DE CURSOS TÉCNICOS INTEGRADOS AO ENSINO MÉDIO

Coordenação: Guilherme da Silva Lima

Data da Seleção:   13/06/2020

Resumo: A gamificação do ensino vem sendo utilizada como uma forma de motivar alunos nos espaços educacionais formais, bem como se mostra uma alternativa interessante para o desenvolvimento de conceitos acadêmicos. As características lúdicas inerentes aos jogos facilitam o fortalecimento de práticas interdisciplinares. Diversos jogos educacionais são aplicados com êxito nos dias atuais, sendo o jogo Escape Room uma alternativa ainda pouco explorada. Uma das contribuições esperadas por este projeto de pesquisa é o desenvolvimento de um jogo a ser utilizado no ensino técnico integrado ao ensino médio que possibilite, de forma objetiva, a integração entre disciplinas dos núcleos de formação técnica e básica. Além disso, espera-se criar um portfólio que possa ser utilizado em outras escolas da rede federal, estadual ou municipal como instrumento de reprodução do jogo. Por fim, serão convidadas escolas do município de Ribeirão das Neves para a participação na Escape Room, visando a divulgação do IFMG campus Ribeirão das Neves na comunidade externa, a motivação do ingresso dos munícipes no IFMG e a validação do jogo como uma prática educacional.

Palavras-Chave:   Escape Room; Jogos Educacionais; Abordagem Interdisciplinar.

Colaboradores internos: Juliana Ventura de Souza, Ederson dos Santos Ramalho Fernandes

Bolsista: Manuela Mourthe Martins, Gabriela Emanuele da Silva

Voluntários: Maria Eduarda Pereira dos Santos,  Maria Luiza Gonçalves Prates, Livia de Paula Souza

  Voltar ↑

10. O TRABALHO NO CÁRCERE PARA NÃO ENCARCERADOS: ANÁLISES DA QUALIDADE DE VIDA NO TRABALHO DE POLICIAIS PENAIS

Coordenação: David Silva Franco

Data da Seleção:   23/05/2020

Resumo: O objetivo da presente proposta de pesquisa é analisar a qualidade de vida no trabalho de policiais penais que atuam na cidade de Ribeirão das Neves. Na literatura científica brasileira, já são identificados diversos estudos que apontam para a precariedade do trabalho de profissionais agentes penitenciários. A partir da ementa constitucional 104, os então denominados agentes penitenciários tornaram-se policiais penais. A mudança de nomenclatura, contudo, parece não acompanhar mudanças significativas acerca da qualidade de vida no trabalho aos profissionais que atuam no cotidiano do cárcere, uma instituição comumente estigmatizada como o local de afastamento dos sujeitos considerados imorais e merecedores do ambiente precarizado do cárcere. Diante deste cenário, almeja-se que esta pesquisa proposta seja capaz de, a partir de parcerias institucionais, oferecer subsídios para propor tecnologias socias de intervenção para avanço na qualidade de vida no trabalho de policiais penais, além de suscitar debates sobre políticas públicas necessárias para maior valorização destes profissionais.

Palavras-Chave:   Qualidade de vida no trabalho; Policiais penais; Trabalho no cárcere; Tecnologias sociais.

Colaboradora interna: Juliana Ventura de Souza Fernandes

Bolsista: Poliana Dias Nóbrega

Voluntários: Não há.

  Voltar ↑

11. MUDANÇAS NO PERFIL SOCIAL DE USUÁRIOS NO TWITTER DURANTE A PANDEMIA DA COVID-19: UM ESTUDO DE CASO DE IMPACTOS PSICOLÓGICOS EM ALUNOS E SERVIDORES DO IFMG

Coordenação: Michele Amaral Brandao

Data da Seleção:   12/06/2020

Resumo: O novo Corona vírus trouxe um momento de incertezas e instabilidades para diversas pessoas em todo o mundo. Esse cenário pode causar efeitos com proporções ainda desconhecidas em diversos setores da sociedade, principalmente, econômicos e psicológicos. Nesse contexto, este projeto contribui para identificação de tais efeitos ao analisar postagens de usuários no Twitter com o intuito de identificar impactos emocionais e/ou psicológicos que estão surgindo durante a pandemia. Especificamente, planeja-se desenvolver um modelo para tal identificação que possa ser utilizado também em outros estudos. Finalmente, espera-se quatro resultados principais: (1) criação de um conjunto de dados reais; (2) desenvolvimento de novas técnicas para análise, mineração e recuperação de informação; (3) elaboração de um modelo para avaliar aspectos psicológicos; e (4)  identificação de possíveis problemas psicológicos para auxiliar na tomada de decisões sobre possíveis ações para solucionar ou minimizar tais problemas.

Palavras-Chaves:  Corona vírus; impacto psicológico; redes sociais

Colaboradores internos: Moises Henrique Ramos Pereira, Juliana Ventura de Souza Fernandes

Bolsista: Adriana Cristina de Oliveira Souza Soares, Arthur dos Santos Oliveira

Voluntários: Não há.

  Voltar ↑

12. O USO DO CELULAR COMO MEDIAÇÃO PEDAGÓGICA NO ENSINO BÁSICO TÉCNICO E TECNOLÓGICO DO INSTITUTO FEDERAL DE MINAS GERAIS: CAMPUS RIBEIRÃO DAS NEVES

Coordenação: Stela Maris Mendes Siqueira Araújo

Data da Seleção:   15/06/2020

Resumo: A evolução tecnológica tem proporcionado várias transformações e mudanças em todos os níveis de ensino. Nesse novo contexto da história de evolução da humanidade, os vários atores envolvidos no âmbito de formação dos sujeitos tem se deparado tanto com a vivência quanto com a experiência de uso de tecnologias em suas relações cotidianas e de trabalho. No entanto, a partir de vivência como docente em cursos técnicos integrados do Instituto Federal de Minas Gerais (IFMG), pode-se inferir que as características atuais da área de ensino, pouco tem se apoderado do uso de novas tecnologias ao se promover os processos de ensino e de aprendizagem, especificamente, em relação ao uso de celulares. Assim, nesta pesquisa, busca-se refletir sobre as contribuições do celular para o processo de mediação pedagógica no âmbito de tal formação. Para tal, o levantamento de dados e informações se dará por meio de um questionário que será aplicado aos discentes e também docentes que atuam nas três séries, dos três cursos técnicos integrados em Administração, Eletroeletrônica e Informática, ofertados no campus de Ribeirão das Neves do instituto em questão. Espera-se, para além das possíveis contribuições anteriores que, a partir do trabalho realizado, também seja possível identificar dados capazes de alavancar novas experiências e de comparar o uso do celular na sala de aula, antes e após a pandemia COVID19.

Palavras-Chave:   Celular; Ensino e Aprendizagem; Mediação Pedagógica; Tecnologias.

Colaborador interno: Thiago Silva

Bolsista: Julia de Souza Soares Portes

Voluntários: Não há.

  Voltar ↑

13. PAINEL ANALÍTICO SÓCIO-MATEMÁTICO

Coordenação: Saulo Furletti

Data da Seleção:   09/06/2020

Resumo: A tecnologias são potencialidades no âmbito educacional que permitem a criação de novas ações didática de matemática, que se tornam mais efetivas a partir do entendimento sobre quem é o aluno, a sua realidade e o seu conhecimento do conteúdos. Nessa perspectiva essa pesquisa tem por objetivo mapear o perfil sócio-matemático dos alunos dos cursos Técnico Integrado ao Ensino Médio, do IFMG Ribeirão das Neves, para apoiar o planejamento de ações didáticas do professor. Esse mapeamento será feito por meio de uma pesquisa quali-quantitativa, tendo o questionário como principal instrumento para coleta de dado.. Os resultados serão disponibilizados para consulta em um dashboard, com informações visuais, no qual possibilita analisar de modo dinâmico e integrado o Perfil Familiar; Perfil Sócio-Econômico; Mobilidade e Moradia; Condições de Saúde, Prática de Esportes, Lazer e cultura, Prática de estudos e Conhecimento matemático. Espera-se que o dashboard apresente informações que subsidie o planejamento das ações e as práticas didáticas tanto dos professores de Matemática, quanto dos professores das demais áreas que demandem conteúdos matemáticos.

Palavras-Chave:   Dashboard; Perfil sócio-matemático, Aluno, Curso Técnico integrado ao Ensino Médio, Ação didática

Colaborador externo: Dr. João Bosco Laudares (PUC-MG)

Colaboradores internos: Leonardo Antonio Coelho, Daila Silva Seabra de Moura Fonseca

Bolsista: Letícia Pasquenelli Senna Gonçalves Corêa, João Pedro Santos Ribeiro

Voluntários: Não há.

  Voltar ↑

14. ECONOMIAS QUE NÃO UTILIZAM DA EXPLORAÇÃO PREDATÓRIA DOS RECURSOS NATURAIS COMO PRINCIPAL FONTE DE RENDA: UMA PERSPECTIVA ECONÔMICA-ECOLÓGICA.

Coordenação: Marcio Rosa Portes

Data da Seleção:   15/06/2020

Resumo: A economia ecológica é um campo de estudo transdisciplinar, cujo objetivo é fazer com que o sistema econômico seja sustentável, consciente e eficiente. Com uma economia que não utiliza formas exploratórias, como principal fonte de renda, é possível um desenvolvimento econômico, dentro de parâmetros sociais e ambientais. Vale ressaltar que essa compatibilização será de suma importância para a sociedade. Mostrando a realidade e a grande diversidade de atividades econômicas, pode ser possível a aplicação de uma importante fonte de renda e atividade econômica. Dessa forma, buscar-se-á formas não exploratórias e não predatórias da atividade econômica, preservando os recursos naturais que a cada dia se tornam mais limitados.

Palavras-Chave:   Desenvolvimento sustentável; economia verde; economia ecológica; economia circular.

Bolsista: Maria Vitória dos Santos Meira

Voluntários: Não há.

  Voltar ↑

15. A COMUNICAÇÃO BOCA A BOCA ELETRÔNICA COMO OPORTUNIDADE PARA A SERVITIZAÇÃO DA MANUFATURA DE ELETRÔNICOS

Coordenação: Cristiane Alves Anacleto

Data da Seleção:   15/06/2020

Resumo: A prevalência da Internet e dos novos canais de mídia nos últimos anos expandiram o alcance da comunicação boca a boca eletrônica. Fato importante é o uso de avaliações on-line como uma ferramenta de diagnóstico de produtos para possíveis compras que se tornou generalizado entre os consumidores. Os canais digitais tem se tornado um importante meio de compra dos consumidores brasileiros. O isolamento causado pela pandemia Covid-19 passou a exigir uma preparação das pessoas para o home office. Nesse contexto, as vendas de eletrônicos dispararam no comércio varejista do país. A servitização consiste na inclusão de serviços que agreguem valor ao consumidor de um bem tangível pelo seu produtor. O objetivo geral desse projeto é identificar categorias de servitização para produtores de equipamentos eletrônicos nas avaliações feitas pelos consumidores nos sites dos cinco principais varejistas brasileiros. Como resultado espera-se: a construção de um conjunto de dados gerado a partir de experiência de compras e avaliação de produtos comercializados no varejo online brasileiro; a construção de procedimentos  no software IRAMUTEQ para a análise e mineração de grandes volumes de dados; a identificação e a proposição de serviços que podem ser adicionados ao produto pelo seu produtor para adicionar valor ao consumidor.

Palavras-Chave:   servitização; sistema produto-serviço; comunicação boca a boca eletrônica; produtos eletrônicos

Colaboradora interna: Michele Amaral Brandão

Bolsista: Davi Carvalho e Costa

Voluntários: Não há.

 Voltar ↑