Você está aqui: Página Inicial > Notícias > "Biblioteca delivery"
conteúdo

Acontece nos Campi

"Biblioteca delivery"

Projeto do Campus Piumhi permite acesso da comunidade acadêmica ao acervo da biblioteca por meio da entrega de livros em domicílio.
publicado: 30/06/2020 14h40, última modificação: 30/06/2020 14h48
Marcela Machado, servidora do Campus Piumhi e uma das idealizadoras do Biblioteca Delivery, realizando uma entrega de livros

Marcela Machado, servidora do Campus Piumhi e uma das idealizadoras do Biblioteca Delivery, realizando uma entrega de livros

O isolamento social e a consequente suspensão das atividades acadêmicas presenciais no IFMG podem ter inviabilizado o uso da biblioteca do Campus Piumhi, mas não têm impedido o acesso ao acervo pela comunidade acadêmica. Alunos e servidores da unidade podem ter acesso às obras graças a uma iniciativa posta em prática a partir do dia 20 de maio: o projeto “Biblioteca Delivery.

“A Biblioteca Delivery surgiu por meio de conversas sobre a necessidade e importância de oferecermos algum serviço  aos nossos usuários neste período de isolamento. Mesmo com acesso às bibliotecas virtuais, muitos usuários preferem ler e estudar no livro físico. Buscamos informações sobre o funcionamento, logística e fizemos pesquisa sobre medidas de proteção, para definirmos a melhor forma de desenvolver esse serviço”, explica Andreia Damasceno, servidora do Campus e uma das idealizadoras do projeto.

O usuário escolhe o(s) livro(s) – cinco, no máximo - acessando a plataforma Pergamum e envia e-mail, até as 18h, de toda terça-feira, para biblioteca.piumhi@ifmg.edu.br, com nome, endereço e telefone ou Whatsapp. Às quartas-feiras, entre 13h e 17h, um servidor do Campus leva o(s) livro(s) até a residência ou recolhe os volumes a serem devolvidos. O usuário, e somente ele, deverá estar em casa para receber o material. Já a devolução pode ser feita por qualquer pessoa.

O projeto permite o acesso ao acervo de membros da comunidade acadêmica que vivem em cidades vizinhas e também promoveu uma padronização nos prazos. Desde 17 de março, o limite para empréstimo é de cinco livros a todos os usuários, com a data de devolução agendada para o dia de retorno às aulas presenciais. O leitor, contudo, pode devolver o(s) título(s) antes desse prazo, se assim o desejar.