Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Grupo do Campus Bambuí desenvolve sistema para auxílio na doação de alimentos
conteúdo

Acontece nos Campi

Grupo do Campus Bambuí desenvolve sistema para auxílio na doação de alimentos

Projeto, que integra o Grupo de Pesquisa em Sistemas Computacionais, é coordenado por professor do campus e conta com participação de aluno da unidade.
publicado: 17/07/2020 19h55, última modificação: 17/07/2020 19h55
Interface intuitiva é ponto de destaque para o professor

Interface intuitiva é ponto de destaque para o professor

O Sistema de Gestão de Doações (SysBMA) é um sistema de plataforma híbrida, ou seja, que funciona tanto em computadores, quanto em aparelhos celulares, que tem o objetivo de auxiliar entidades beneficentes no controle e na gestão de doações recebidas, a fim de garantir uma distribuição mais igualitária. A iniciativa, desenvolvida pelo professor do Núcleo de Computação do Campus Bambuí, Gabriel da Silva, surgiu a partir de um convite do colega de faculdade, Anuar Alves, que é diretor de Segurança Alimentar e responsável pelo Banco Municipal de Alimentos da cidade de Formiga/MG. 

Segundo Anuar, o Banco Municipal de Alimentos é um equipamento público que tem como missão o combate à fome e ao desperdício de alimentos no município. De acordo com o diretor, durante a pandemia do Coronavírus, a demanda por alimentos cresceu muito na região, o que o levou a recorrer ao colega. "Com a ajuda de muitos parceiros temos conseguido atender à demanda, porém, para que pudéssemos ter um controle eficaz das doações de cestas básicas e cestas verdes, necessitávamos de uma ferramenta para controle, uma vez que desde o início da pandemia já foram doadas mais de 7000 cestas verdes e 1775 cestas básicas", conclui. 

O profesor Gabriel decidiu atender à solicitação e o projeto passou a ser desenvolvido junto ao Grupo de Pesquisa em Sistemas Computacionais (GPSisCOM) da unidade, coordenado pelo docente. O aluno de Engenharia da Computação do campus, Julio Cezar de Oliveira, também desenvolve o aplicativo. O SysBMA está em fase de testes e já auxília o direcionamento de doações em Formiga. De acordo com o docente, "a experiência junto ao Banco Municipal de Alimentos de Formiga está sendo utilizada como validação para o novo sistema". Ainda segundo Gabriel, a interface do aplicativo é simples e intuitiva, o que facilita na gestão dos alimentos. 

Próximos passos 

O professor ainda informa que, a partir dessa demanda, há a ideia de propor um projeto maior, capaz de abranger mais entidades beneficentes. Segundo Gabriel, ele realizará a submissão do projeto junto ao edital de fluxo contínuo da Diretoria de Inovação, Pesquisa e Pós-graduação da unidade. O produto resultante desse processo será disponibilizado às entidades como um software livre e de código aberto, o que facilitará a customização por parte das entidades beneficiadas. 

Fonte:  Comunicação - Campus Bambuí