Você está aqui: Página Inicial > Notícias > IFMG desenvolve projeto de repovoamento de peixes no Rio São Francisco
conteúdo

Acontece nos Campi

IFMG desenvolve projeto de repovoamento de peixes no Rio São Francisco

Por meio de convênio com a Codevasf, espécies de peixes foram soltas em viveiros do Campus Bambuí para posterior repovoamento da bacia do Alto São Francisco.
publicado: 15/12/2021 15h03, última modificação: 15/12/2021 15h03

Por meio de um convênio de cooperação científica, técnica e educacional, o IFMG está participando de um projeto para repovoamento de peixes no Rio São Francisco. Firmada com a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), a parceria teve uma das etapas realizadas no último dia 9 de dezembro. Na ocasião, larvas de peixes das espécies piau e curimbatá foram soltas nos viveiros do Campus Bambuí.

“Após um período de crescimento, os animais serão posteriormente levados para repovoamento de rios da região do Alto do São Francisco. Uma parte dos animais será mantida no campus para atividades de pesquisa e aulas práticas com a comunidade acadêmica”, explicou o professor Arnon Anésio, responsável técnico da área de Piscicultura.

De acordo com o docente, o convênio tem como objetivo planejar, coordenar e executar estudos, levantamentos, planos, programas e capacitação destinados à implementação de ações de apoio ao desenvolvimento regional, como o uso sustentável dos recursos pesqueiros e aquicultura, revitalização da ictiofauna das microbacias e sub-bacias da região do Médio e do Alto São Francisco. A execução do projeto conta com a realização de reprodução e alevinagem de espécies nativas selecionadas. Uma pequena parte dos animais será destinada a pesquisas desenvolvidas pelos alunos do IFMG. 

Durante as etapas do projeto, está prevista participação de toda a comunidade (acadêmica e das cidades do entorno) no repovoamento dos peixes, para garantir uma maior elucidação sobre o uso sustentável dos recursos naturais e da educação ambiental. Além do IFMG e Codevasf, o convênio conta também com o apoio da Prefeitura Municipal de Bambuí.

Participaram da soltura dos alevinos, no dia 9, os professores Arnon e Ivan Vieira, alunos do curso Técnico em Agropecuária, o prefeito de Bambuí, Olívio José Teixeira, o secretário municipal de Meio Ambiente, Oscar Von Bentzeen, e o chefe do Centro Integrado de Recursos Pesqueiros e Aquicultura da Codevasf em Três Marias, Julimar dos Santos Sousa.