Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Projeto de ensino de inglês incentiva estudantes a praticar idioma na quarentena
conteúdo

Acontece nos Campi

Projeto de ensino de inglês incentiva estudantes a praticar idioma na quarentena

Iniciativa de professora do Campus Ipatinga envolveu alunos do Ensino Médio Integrado em atividades para estimular a compreensão e produção oral em língua inglesa.
publicado: 26/05/2020 11h19, última modificação: 26/05/2020 11h19

Mesmo em tempos de isolamento social, estudantes dos cursos de Ensino Médio Integrado do Campus Ipatinga continuam aprendendo e usando o inglês em seu cotidiano. Por meio do projeto "Plug in: developing oral skills online", a professora Marina Morena dos Santos está mantendo os alunos em contato com o idioma. Segundo a docente, a proposta é desenvolver a compreensão e a produção oral em língua inglesa, utilizando ferramentas e aplicativos digitais. Ela acredita que, embora as habilidades orais sejam as mais difíceis de serem trabalhadas presencialmente, com o uso das tecnologias, o trabalho é facilitado.

“A tecnologia faz parte do cotidiano da maioria de nosso corpo discente e é extremamente importante que seja utilizada como ferramenta para a aprendizagem. O projeto tem se mostrado como sendo um bom método de engajamento durante a pandemia e uma maneira eficiente de ajudar os alunos e alunas a utilizar o idioma de modo mais significativo”, afirma.

Entre as atividades desenvolvidas, estão a criação de avatares, desafios a partir de videoclipes de músicas, gravação de tutoriais e a gravação de um vídeo com mensagens para a comunidade sobre o período de isolamento/distanciamento social. Em todas as práticas de produção oral, a individualidade dos estudantes é respeitada e aqueles que não se sentem confortáveis podem produzir textos escritos para a tarefa. O objetivo, segundo a professora, é incentivar o desenvolvimento da proficiência dos alunos, dando oportunidade iguais a todos.

Yan Roger, que está no segundo ano, destaca que gostou “de mexer com a edição do vídeo sobre a quarentena e da maneira de ensinar inglês pelo site Lyrics Training”. Já Juliano Batista Ferreira, do primeiro ano, afirma que “o projeto foi uma excelente forma de manter a ‘chama’ acesa que é a relação docente-discente”. “Algumas atividades foram bem divertidas, como a de completar a música e falar dos hobbies. Em outras, percebi que deu mais trabalho para a turma num todo... Em geral, foram atividades de aprendizado para nós, embora simples, muito bem elaboradas", contou.

“Foi um desafio, porém me deixou muito empolgada em melhorar minha fala e diminuir a timidez. Estamos passando por um período delicado e esse projeto me ajudou a fazer desse momento ruim um momento de aprendizado e evolução”, relatou Ana Luíza Bonfim, aluna do segundo ano.

Algumas das tarefas propostas em vídeo estão disponíveis neste link.