Você está aqui: Página Inicial > Notícias > TCC de egressa de Tecnologia em Gestão Ambiental é publicado em revista inaugural do Igam
conteúdo

Notícias

TCC de egressa de Tecnologia em Gestão Ambiental é publicado em revista inaugural do Igam

publicado: 09/03/2020 12h32, última modificação: 09/03/2020 12h36

O esforço de pesquisa da egressa Isa Belly Dominguito de Castro Sena, formada em Tecnologia em Gestão Ambiental pelo IFMG – Campus Governador Valadares, ganhou as páginas do primeiro número da Revista Mineira de Recursos Hídricos (RMRH), do Instituto Mineiro de Gestão das Águas (Igam).

Intitulado “Determinação de regiões pluviometricamente homogêneas na Bacia do Rio Doce/MG”, o artigo é fruto do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) de Isa Belly sob a orientação do prof. Ms. Fábio Monteiro Cruz. Outros dois docentes do Campus também participam da publicação: prof.ª Dr.ª Daniela Martins Cunha, e o prof. Dr. Fúlvio Cupolillo, além da técnica de laboratório e Ms. Karina Bicalho Ervilha do N. Campos.

Resumo do artigo

A precipitação compreende fator fundamental para o desenvolvimento das atividades humanas, uma vez que ela constitui a principal forma de entrada de água nas bacias hidrográficas. Especial destaque pode ser dado ao abastecimento humano, industrial e às práticas agrícolas dentre os usos que dependem das chuvas direta ou indiretamente. A bacia do Rio Doce, localizada no sudeste brasileiro entre os estados de Minas Gerais e Espírito Santo, compreende uma bacia de grandes dimensões cujos usos da água dependem fundamentalmente do regime de chuvas. Dessa forma, procedeu-se a um exercício de regionalização do seu clima com base na precipitação média anual, utilizando Análise de Cluster, buscando identificar as regiões com comportamento climático semelhante, podendo assim colaborar com os mecanismos de gestão de recursos hídricos e a racionalização do uso da água na bacia do Rio Doce. O estudo permitiu determinar duas regiões climaticamente homogêneas, dispostas no sentido leste-oeste, que caracterizam a precipitação na bacia do Rio Doce; sendo que a porção ocidental apresenta maior disponibilidade hídrica em comparação à oriental. Dessa forma, os procedimentos de outorga de recursos hídricos devem levar em conta a realidade hidrológica destas regiões.

Acesse aqui o artigo na íntegra

Saiba mais sobre a revista

De acordo com o editorial da edição de lançamento, o objetivo da Revista Mineira de Recursos Hídricos é conhecer e disseminar pesquisas científicas novas e relevantes na área de planejamento e gestão de recursos hídricos e de contribuir para o aprimoramento contínuo da execução da política das águas, com bases técnico-científicas, academicamente consolidadas.