Você está aqui: Página Inicial > Nossos Cursos > Técnico > Técnico Integrado em Automação Industrial
conteúdo

Técnico Integrado em Automação Industrial

por David Lopes publicado 09/09/2019 15h32, última modificação 29/10/2020 15h44

Coordenador do curso: Pedro Henrique Ferreira Machado. (pedro.machado@ifmg.edu.br)

Coordenador substituto do curso: Hélciner Vitor Ferreira (helciner.ferreira@ifmg.edu.br)

E-mail da coordenação do curso: automacao.integrado.ibirite@ifmg.edu.br

Turno: integral diurno

Duração: 3 anos

Vagas: 40

Ingresso: processo seletivo, transferência externa e interna

Apresentação:

O curso Técnico em Automação Industrial, integrado ao Ensino Médio, se propõe a formar profissionais capazes de: auxiliar na análise, no desenvolvimento e na implementação de projetos na área de automação industrial; atuar na manutenção de sistemas automatizados, robotizados ou controlados computacionalmente; executar procedimentos de controle de qualidade e gestão da produção de equipamentos da área de automação; desenvolver programas e equipamentos para automação. Além da formação profissional descrita, o curso confere ao estudante o certificado de conclusão do Ensino Médio, dando-lhe condições de prosseguir nos estudos, caso seja seu desejo.

Projeto Pedagógico de Curso (matriz 2019)

Matriz Curricular (matriz 2019)

Projeto Pedagógico de Curso (matriz 2020)

Matriz Curricular (matriz 2020)

Objetivo geral:

Propiciar ao aluno a formação no Curso Técnico em Automação Industrial, ampliando sua capacidade de ação e reflexão crítica sobre o mundo em que vive por meio da formação profissional em uma perspectiva cidadã, criando condições para o ingresso no mundo do trabalho e para a continuidade dos estudos.

Objetivos Específicos:

Os objetivos específicos do curso compreendem:

a) Formar profissionais de nível técnico em Automação Industrial para atuar no mundo do trabalho, atentos às necessidades sociais, à evolução tecnológica e à preservação ambiental.

b) Contribuir para um maior desenvolvimento do parque industrial nacional, preparando profissionais altamente especializados nas modernas tecnologias dos diversos setores produtivos, que lhes proporcionem maior eficiência e capacidade de competição em nível nacional e mesmo internacional.

c) Proporcionar aos alunos conhecimentos nas diversas áreas de automação de processos industriais.

d) Atender à demanda de profissionais habilitados para novos postos de trabalho no setor industrial.

e) Promover o intercâmbio de conhecimentos técnicos e teóricos com indústrias, escolas, instituições e associações, pela participação em palestras, conferências, debates e visitas técnicas.

f) Incentivar e promover as atividades de pesquisa e extensão.

 

Perfil profissional

O Eixo de Controle e Processos Industriais compreende tecnologias associadas aos processos mecânicos, eletroeletrônicos e físico-químicos. Traços marcantes deste eixo são a abordagem sistemática da gestão da qualidade e produtividade, das questões éticas e ambientais, de sustentabilidade e viabilidade técnico-econômica, além de permanente atualização e investigação tecnológica.

De acordo com o Catálogo Nacional de Cursos Técnicos, o técnico em Automação Industrial é o profissional qualificado para:

a) Atuar em empresas nas áreas de Siderurgia, Metalurgia, Petroquímica, Automotiva e outros ramos onde haja processos industriais automatizados.

b) Atuar na manutenção de equipamentos automatizados, robotizados ou controlados até o desenvolvimento destes sistemas.

c) Utilizar softwares com Interface Homem Máquina ou Sistemas Supervisórios.

d) Trabalhar na melhoria da eficácia de processos de fabricação industrial, bem como no conhecimento avançado de processos industriais mecânicos, programas em Comando Numérico Computadorizado (CNC) e soldagem mecânica automatizada.

O profissional deve ser capaz de processar informações, ter senso crítico e ser capaz de impulsionar o desenvolvimento econômico da região, integrando formação técnica à cidadania.

O IFMG, em seus cursos, ainda prioriza a formação de profissionais que:

a) Tenham competência técnica e tecnológica em sua área de atuação.

b) Sejam capazes de se inserir no mundo do trabalho de modo compromissado com o desenvolvimento regional sustentável.

c) Tenham formação humanística e cultura geral integrada à formação técnica, tecnológica e científica.

d) Atuem com base em princípios éticos e de maneira sustentável.

e) Saibam interagir e aprimorar continuamente seus aprendizados a partir da convivência democrática com culturas, modos de ser e pontos de vista divergentes.

Sejam cidadãos críticos, propositivos e dinâmicos na busca de novos conhecimentos.

Área de atuação:

O técnico em Automação Industrial está habilitado para atuar em diversas áreas, dentre as quais:

a) Indústrias com linhas de produção automatizadas.

b) Indústrias químicas, petroquímicas, de exploração e produção de petróleo.

c) Indústrias aeroespaciais, automobilística, metalomecânica e plástico.

d) Empresas de manutenção e reparos.

e) Empresas integradoras de sistemas de automação industrial.

f) Fabricantes de máquinas, componentes e equipamentos robotizados.

g) Grupos de pesquisa que desenvolvam projetos na área de sistemas elétrico.

h) Laboratórios de controle de qualidade.

Mercado de trabalho:

A indústria moderna passa por mais um momento de quebra de paradigma. Conhecemos essa quebra de paradigma como 4ª Revolução Industrial, ou apenas, Indústria 4.0. Os impactos da Indústria 4.0 sobre a produtividade, a redução de custos, o controle sobre o processo produtivo, a customização da produção, dentre outros, apontam para uma transformação profunda nas plantas fabris.

Neste cenário de transformação, onde a digitalização e a conectividade são os alicerces, todas as empresas de destaque nacional e/ou internacional, assumem que a adoção das tecnologias da Indústria 4.0, são necessárias e irreversíveis.

As tecnologias trabalhadas no curso Técnico em Automação Industrial são aplicadas diretamente na Indústria 4.0, e, portanto, podemos afirmar que o profissional bem capacitado na área de automação será absorvido pelas empresas de ponta.

Ademais, as perspectivas de recuperação econômica do país também sinalizam positivamente para a absorção dos profissionais desta área.

Em resumo, os profissionais da área de automação são peças importantes para o cenário atual, e, no médio e longo prazo, percebemos que estes profissionais serão essenciais para qualquer empresa de destaque.

Informações Gerais:

 

Modalidade/turno: Integrado/presencial/Integral diurno.

Tempo de integralização: Mínimo: 3 (três) anos / Máximo: 5 (cinco) anos.

Carga horária total do curso: 3.200 horas.

Título após a conclusão do curso: Técnico em Sistemas de Energia Renovável.                       

Duração do curso: 3 (três) anos.

Número de vagas oferecidas: 40 vagas.

Requisito para ingresso: Ensino Fundamental completo.

Resolução nº 22 de 13 de julho de 2018 (criação de curso).

Portaria nº 33 de 04 de janeiro de 2019 (autorização e funcionamento do curso).